Desejando, sempre, honrar ao Senhor…

Quem é Jesus?

Quem é Jesus?

Mateus 16.15

 

            Nunca teremos pouca coisa para falar sobre Jesus. Mas hoje nós vamos tentar melhorar nossa percepção sobre quem é Jesus. Vamos falar um pouco sobre quem Ele é e quem Ele será. Em Mateus 16. 15 o próprio Jesus pergunta aos discípulos que ele achavam que Jesus era. Hoje eu lhe pergunto: E pra você, quem é Jesus?

 

“Eu sou o bom pastor; conheço as minhas ovelhas, e elas me conhecem”.João 10.14

            No salmo 23 nós podemos ver mais claramente o que esta afirmação significa. O bom pastor nunca deixa faltar o alimento das ovelhas. Sempre acorda muito cedo para dar a elas o capim mais novo, bem verdinho, ainda molhado do orvalho.

O bom pastor é aquele em que a ovelha confia e quando ele chega ela pode confiar e descançar, pois na presença do pastor não existem perigos. Ele é um referencial de segurança.

O bom pastor conhece suas ovelhas pelo nome, pois as viu nascer, as alimentou desde pequenas. Ele leva as ovelhas em segurança para um lugar calmo, onde elas podem passar horas e horas sem se preocupar.

Diante desta afirmação de Jesus eu lhe pergunto: Jesus tem sido o seu bom pastor? Quem é Jesus para você?

 

“Eu sou o pão da vida”.João 6.48

O que significa para alguém ter o “pão da vida?” Significa que aquele que tem o pão da vida possui vida abundante. Sabemos que Jesus se referia à vida eterna, mas sem forçarmos o texto podemos ver de uma forma um pouco mais abundante este ensinamento de Jesus. Sempre que alguém comer daquele pão terá sua fome saciada. Vai poder viver de forma que suas necessidades serão satisfeitas.

Vamos voltar um pouco na história para entendermos melhor esta afirmação de Jesus. A cidade em que Jesus nasceu se chama Belém. Belém é uma cidade antiga e quando lemos o livro de Rute perceberemos como ela é importante. Quando Rute volta com sua sogra para Belém elas não são aceitas por serem viúvas e porque a sogra de Rute havia “abandonado” a cidade em uma época que havia fome em Belém. O significado do nome Belém é padaria. Ao voltarem para Belém (padaria) em uma época de fome elas não voltaram para ter uma casa ou para tentar formar outra família. O desejo de Rute era conhecer o Deus de Belém, ou seja, aquele que proporcionava sustento, aquele que fazia “o pão, na padaria”. Elas voltaram para  conhecer o Deus de Belém.

Quando Cristo afirma ser o pão da vida Ele quis dizer que era o sustento que vinha de Deus. Ele é o “pão oferecido pelo dono da padaria”

E pra você, quem é Jesus? 

Jesus é aquele que faz o que somos se tornar melhor. Mateus 14.17

Percebam que maravilha de ensinamento que Jesus nos dá. Percebam como Ele nos mostra quem Ele é. A banda Quatro por Um faz uma versão deste texto que pode nos ensinar muito. Ela trata da forma como o menino viu maravilhado a situação. Vamos pegar algumas partes e aprender um pouco mais.

Imaginem o tamanho da fé daquele menino ao saber que Jesus poderia fazer um milagre, mesmo que ele não soubesse qual seria. Talvez ele quisesse somente alimentar Jesus. Mas a ação dele é que foi a correta. Ele levou sua pouca comida para aquele que era o mestre, o único que poderia fazer um milagre.

Imaginem como aquele menino deve ter ficado quando Jesus orou, bem na sua frente, e ele pode ver que seus cinco pães e dois peixinhos foram se multiplicando e alimentaram uma multidão.

 O que você tem colocado nas mãos de Jesus para Ele multiplicar? O que somente Ele é capaz de fazer? Você acredita que é possível?

E pra você, quem é Jesus?

 

 

Este é um desafio para vocês:

Hoje a Igreja passa por uma situação parecida com a da multiplicação. Foram feitas as divisões dos Pequenos Grupos e novos líderes foram levantados. Líderes que não tem nada a oferecer a não ser cinco pães e dois peixinhos para que uma multidão seja alimentada. Líderes que sabem que não podem fazer nada por serem como meninos e estão assustados com isso. Pois eu lhes digo: ofereçam seus cinco pães e dois peixinhos para o Senhor que pode fazer o milagre e sejam testemunhas de uma multiplicação suficiente para alimentar uma multidão. Este estudo é testemunho disso.

Deus os abençoe e os deixe maravilhados como aquele menino deve ter ficado na multiplicação dos pães.

 

Do seu irmão em Cristo, testemunha maravilhada:

 

 Sérgio Inojoza

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s