Desejando, sempre, honrar ao Senhor…

Descendo até o Vale

Muitas vezes já ouvimos e lemos a respeito dos “Vales” da vida. São aqueles lugares onde Deus decide nos levar para nos moldar, tirar algumas coisas que não agradam a Ele ou para nos treinar com um objetivo específico. Também é conhecido como o “Deserto”. Para alguns é um lugar sombrio, cheio de tribulação, tristezas e solidão onde se busca a sair apressadamente. Para outros é um lugar onde se encontra a paz, e apesar da solidão, a tranquilidade e a expectativa permeiam o ambiente. Os homens de Deus na Bíblia, em algum momento, foram para o Vale. Até mesmo Jesus foi levado ao deserto pelo Espírito Santo. Com certeza há muitos tipos de “Vale” em nossas vidas. E hoje quero lhes falar sobre alguns destes.

O Vale é um Lugar Perigoso

Uma das coisas que precisamos aprender sobre o Vale é o que acontece lá em baixo. Nem sempre se deseja descer até lá, mas quando menos se espera Deus usa as oportunidades para nos fazer ir até lá.

Se pararmos para observar a história de Israel, o Vale é um local de batalha, local de morte, mas é onde Deus concedia a vitória ao povo. Muitas das grandes vitórias de Israel foram nos vales: Davi matou Golias no Vale de Carvalho (1 Samuel 21.9), Josafá venceu os inimigos que queria destruir Israel nas “ladeiras de Ziz, no fim do vale” (2 Crônicas 20.16), e Ezequiel profetizou sobre os ossos no Vale de Ossos Secos ( Ezequiel 37.1).

Porém, o Vale é um lugar perigoso. Lá é profundo e cercado de montanhas e que a única saída é chegar ao final. Agora vamos imaginar a cena: Um local cercado de montanhas que dificultam a visão e a proteção de quem está em baixo, mas facilita o ataque de quem vem por cima das montanhas. Lá as emboscadas podem ter sucesso facilmente. É um lugar difícil de esconder e se proteger. Por isso, precisamos entender que ninguém desce ao Vale sozinho.

Deus sabe que quando estamos no vale somos vulneráveis, frágeis ao ataque dos nossos inimigos e muitas vezes sozinhos. É lá que a coragem se transforma em medo, o calor esfria e somos levados a ver quem nós somos de verdade. Por isso, a primeira coisa a se fazer é aprender a confiar em Deus. Pois, se estamos no Vale precisamos de proteção. Lembre-se que o poder de Deus se aperfeiçoa na nossa fraqueza (2 Coríntios 12.9) e fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder (Efésios 6.10).

O Vale é um Local de Fortalecimento

É natural acharmos que Deus quer nos livrar de nossas dores, medos e fraquezas de forma milagrosa, com o estalar de dedos ou o mover de suas mãos. E é aí que nos enganamos. Milagres acontecem, mas não antes do Vale, não antes de chegarmos ao fim.

Um de nossos grandes erros nessa hora é recusar o fato de que estamos sendo provados por Deus (Tiago 1.3; Jó 23.10; Salmos 66.10). Acostumamo-nos a sonhar com um deus de “algodão doce” e esquecemos que quem ama corrige (Hebreus 12.6). Achamos que Deus só quer me exaltar sem que eu precise me esmerar, mudar minhas atitudes minha forma de pensar e meu conhecimento sobre o próprio Deus.

Ao contrário do que parece, no Vale, Deus me confronta e faz com que eu encare meu medo ao mesmo tempo. No Vale Deus tem o desejo de fortalecer minhas fraquezas me colocando diante daquilo que eu menos sei como agir. Como um pai que deixa o filho passar por certas situações para aprender a sair delas, assim é Deus.

O nosso maior erro é não aceitarmos o fato de estarmos lá e não paramos para procurar a ajuda de Deus e nos desesperamos buscando a saída, muitas vezes nos afastando do plano que Deus tinha pra nós lá e tornando traumática a passagem pelo Vale.

Se nas nossas vidas não existe acaso porque Deus não cochila (Salmos 121.4) e todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus e andam segundo o seu propósito (Romanos 8.28), não devemos nos assustar e sair correndo para qualquer lado quando percebemos as provações. O que Deus deseja é que nestas horas nos apeguemos a Ele e busquemos com Ele a saída deste vale. Lembrem-se: nunca estamos sozinhos lá em baixo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s